Riportico desenvolve projeto de arquitetura e especialidades de piscina semiolímpica convertível em Moura

Riportico desenvolve projeto de arquitetura e especialidades de piscina semiolímpica convertível em Moura

A Riportico será a responsável pela conceção do Projeto de Arquitetura e Especialidades da Piscina da Amareleja, no concelho de Moura, distrito de Beja, adjudicado pela Câmara Municipal de Moura. Com este projeto pretende-se implantar a nova Piscina da Amareleja na zona sul da vila junto a outros equipamentos.

A localização destes equipamentos não seguiu um desenho urbano que os ligasse e favorecesse a delineação de arruamentos e vazios, resultando numa malha urbana descaracterizada e disfuncional. Esta intervenção tem como objetivo programático, para além do equipamento em si, a reconfiguração do quarteirão com novas relações entre as construções adjacentes e desenho de arruamentos.

A Riportico Engenharia tem a cargo o desenvolvimento do Programa Base, Estudo Prévio e Projeto de Execução, que consiste na elaboração do Projeto de Arquitetura e dos Projetos de Especialidades, nomeadamente: arquitetura paisagista; estabilidade, escavação e contenção periférica; instalações elétricas gerais; instalação das infraestruturas de telecomunicações em edifícios; instalações de segurança; instalação de climatização e ventilação; estudo do comportamento térmico; estudo de condicionamento acústico; redes de águas e esgotos; rede de gás; plano de segurança e saúde; e plano de gestão de resíduos de construção e demolição. Os serviços prestados pela Riportico incluem ainda a fase de assistência técnica em obra.

O objetivo do projeto é dotar a freguesia da Amareleja de uma Piscina Semiolímpica Convertível, segundo as normas da Federação Internacional de Natação, que responda tanto às necessidades desportivas ao longo do ano, como às atividades de lazer na época estival. Numa zona geográfica em que as temperaturas no verão se situam acima dos 40°, a existência deste equipamento deverá proporcionar momentos de fruição e lazer, contribuindo assim para atenuar este brutal efeito climatérico. O projeto permitirá também dotar a Amareleja de um equipamento com vocação educativa e de primeiro acesso a níveis de competição.

 

Fonte: Riportico/Midlandcom | Imagens (adaptadas/ilustrativas): Riportico/Midlandcom




Outros artigos interessantes:




Comentar

* Obrigatório