Dimensionamento de Estruturas de Concreto Armado com Normas do Brasil em Curso do IST

6 Julho, 2015.

Dimensionamento de Estruturas de Concreto Armado com Normas do Brasil em Curso do IST

Eduardo Júlio e Rui Vaz Rodrigues, Professores do Instituto Superior Técnico (IST), são os coordenadores do curso “Dimensionamento de Estruturas de Betão Armado de Acordo com a Norma Brasileira NBR 6118 e Outras Normas”, que decorre no IST, em Lisboa, nos próximos dias 13 e 14 de Julho. Na sua segunda edição, esta ação de formação pretende abordar os princípios básicos aplicáveis ao projeto de estruturas de concreto armado no Brasil.

O conjunto de temas a abordar incluirá, entre outros, o âmbito de aplicação da Norma NBR6118:2007, terminologia do concreto armado, caracterização das propriedades dos materiais, classes de resistência dos betões de acordo com a NBR8953, propriedades mecânicas dos betões, critérios de aceitação ou rejeição dos lotes de concreto de acordo com a NBR12655, classificação dos aços de armadura passiva de acordo com a NBR7480 e as propriedades mecânicas dos aços de armadura passiva.

Estarão também em foco a segurança e Estados Limites, classificação de ações, coeficientes de ponderação de ações no estado limite último (ELU) no estado limite de serviço (ELS), articulação com a norma NBR 8681:2004 Ações e segurança nas estruturas, articulação com a NBR 6120:2000 Cargas para o cálculo de estruturas de edificações, cargas de vento de acordo com a NBR 6123, definição de cargas móveis de acordo com a norma 7188 para pontes rodoviárias e 7189 para pontes ferroviárias, efeito dinâmico das cargas móveis, força centrífuga, pressão da água em movimento sobre pilares e fundações, variações de temperatura, efeitos da Frenagem, coeficientes de ponderação das resistências no estado limite último, resistência de cálculo do concreto armado, combinações de ações e estado limite de vibrações excessivas.

Outros temas do curso serão o dimensionamento e verificação ao ELU de flexão composta de elementos lineares, Estado Limite Último de flexão composta, métodos aproximados, flexão composta desviada, instabilidade e efeitos de segunda ordem, classificação das estruturas, efeitos globais e locais de 2ªordem, método do pilar-padrão com curvatura aproximada, método do pilar padrão com rigidez aproximada, durabilidade de estruturas de concreto armado, vida útil de projeto, mecanismos de deterioração relativos ao concreto armado, mecanismos de deterioração relativos ao aço, classes de agressividade ambiental, correspondência entre classes de agressividade ambiental e qualidade do concreto armado, recobrimento das armaduras, correspondência entre classes de agressividade ambiental e recobrimento nominal e aberturas características limite de fendas para exigências de durabilidade.

O curso que incluirá a exemplificação dos princípios de aplicação, através de casos reais de projeto realiza-se no Departamento de Engenharia Civil do IST, sendo promovido pela Associação para a Formação e Desenvolvimento em Engenharia Civil e Arquitetura (FUNDEC).

Informações
Fernanda Correia Vanessa Silva
Tel.: 21 841 80 42
Fax: 21 841 81 93
e-mail: fundec@tecnico.ulisboa.pt

Fonte: FUNDEC | Imagem (adaptada): via Everhall




Outros artigos interessantes:




Comentar

* Obrigatório