Estudante de Engenharia Civil desenvolve projeto de túnel ferroviário subaquático para o Lago de Genebra

7 Agosto, 2018.

Estudante de Engenharia Civil desenvolve projeto de túnel ferroviário subaquático para o Lago de Genebra

Um estudante do Mestrado em Engenharia Civil da Escola Politécnica Federal de Lausanne (EPFL) desenvolveu, no âmbito da sua tese académica, um projeto conceptual de um túnel ferroviário subaquático para o Lago de Genebra, que poderia potencialmente melhorar as ligações viárias entre Genebra e Lausanne.

O projeto, supervisionado pelo Laboratório de Betão Estrutural da EPFL prevê a execução de uma estrutura tubular de 55 quilómetros de comprimento, com duas vias e dois sentidos, prevista para circulação em alta-velocidade, com tecnologias de levitação magnética.

A estrutura subaquática de betão armado ficaria localizada a uma profundidade média de 30 metros e seria suportada por pilares assentes sobre o leito do lago.
No total o túnel seria constituído por 199 módulos de betão armado, com 14,5 metros de diâmetro e os pilares de suporte cilíndricos teriam 6 metros de diâmetro e entre 7,5 e 45 metros de comprimento.

O projeto prevê igualmente que o traçado se desenvolva a curta distância das margens do Lago Genebra e que o túnel tenha estações terminais nas estações multimodais de Genebra e Lausanne, com ligação à superfície através de sistemas de elevadores de última geração.

O estudo teve inspiração tanto no sistema Hyperlooop, como no projeto Swissmetro, que nos anos 90 apontava para a construção de um sistema futurístico de metropolitano, com velocidades de circulação superiores a 500 quilómetros horários, entre as duas metrópoles suíças.

Fonte: EngenhariaCivil.com; EPFL | Imagens (adaptadas): EngenhariaCivil.com; via EPFL




Outros artigos interessantes:




Comentar

* Obrigatório