Mecânica dos Solos – Teoria das Fundações

8 Dezembro, 2009.

Mecânica dos Solos – Teoria das Fundações Mecânica dos Solos – Teoria das Fundações

Evolução do programa Mecânica Solos 2. Possui melhorias no módulo de dimensionamento de fundações directas e novas funcionalidades para combinações de acções (fundamentais e raras).

Mecânica dos Solos – Teoria das Fundações Mecânica dos Solos – Teoria das Fundações

Autor: Sérgio Marques (DEC-FCTUC)

Download
Mecânica dos Solos – Teoria das Fundações




Outros artigos interessantes:

Franceses Desenvolvem Inovadora Barreira de Proteção Sísmica de Estruturas de Engenharia Civil
GEO5 Software para Soluҫões Geotécnicas
Engenheiros da Universidade de Purdue constroem câmara para a simulação de problemas geotécnicos com...
Execução das fundações do edifício Museu 1000 em Miami
PCSheetPileWall 1.36: Software de dimensionamento de cortinas de estacas prancha
Resolvendo a fissuração do betão armado através do uso de cimento auto reparador

         
         


Tópicos Relacionados

         -  fazer cave em moradia geminada - controlo de humidades
         -  Substituição de aterro não controlado encima de rocha firme
         -  Aterramento de superfície concretada
         -  Especificação LNEC E 202 – 1967 Solos. Determinação da quantidade de sulfatos
         -  Projeto residencial de baixo custo - Duvida 01: Fundação
         -  Muro de contenção de terras
         -  Leitor de cartões MEMOLEC da JEAN LUTZ
         -  Alguém pode me ajudar com essa questão ?
         -  Maciços de encabeçamento de estacas
         -  Estacas metálicas cravadas
          

Artigos Relacionados

         -  Projeto 901: Um dos mais incríveis empreendimentos geotécnicos subterrâneos ...
         -  Resolvendo a fissuração do betão armado através do ...
         -  O poder da estabilização mecânica de solos
         -  PCSheetPileWall 1.36: Software de dimensionamento de cortinas de estacas prancha
         -  PyPile 0.2.0: Análise da resposta lateral de estacas
         -  Execução das fundações do edifício Museu 1000 em Miami
         -  Engenheiros da Universidade de Purdue constroem câmara para a simulaçã...
         -  Uso de Barreiras Vibratórias na Proteção Sísmica de ...
         -  GEO5 Software para Soluҫões Geotécnicas
         -  Utilização de Blocos de Geoespuma na Minimização de Assentamentos ...

Vídeos Relacionados

         -  Instalação de Tuneladoras de 550 Toneladas
         -  Avanço de uma Tuneladora TBM
         -  Batedores de Estacas de Banguecoque
         -  Como Funciona uma Tuneladora
         -  Excitação Sísmica de Talude Contínuo
         -  Estacas Moldadas
         -  Liquefacção de Solos 2
         -  Liquefacção de Solos
         -  Animação Plaxis
         -  Equipamento para Prospecção em Zonas Pantanosas

6 Comentários a Mecânica dos Solos – Teoria das Fundações

  1. Soares

    O programa parece-me muito bom mas tenho um problema, dá-me um erro quando executo o menu. A minha calculadora é uma velhinha ti92

  2. jj

    Excelente programa para solos

  3. Sérgio Marques

    Caro Soares,

    O programa foi formatado para a voyage200, e como o ecrã desta é maior que a ti82, mesmo com a linguagem de programação igual, irá somente ver parte do programa.

    Abraço

  4. lucia

    interessante o documento

  5. João

    Boa noite,

    Podia-me esclarecer umas duvidas no cálculo de Fundações Directas > Condições drenadas:
    Quando temos dois solos, um abaixo e outro acima da base, que “fi'” adoptar? Não percebi este ponto: (d/B)Y’ (kn/m3).

    Obrigado.

  6. Sérgio Marques

    Boas João,

    Pelo que percebi, tens que considerar o “fi” do solo abaixo do nível da fundação já que é esse que “controla” a resistência da fundação.
    Existe também o programa “Influenc. Meios Estratificados” que considera a existência de uma camada se argila debaixo de uma camada de areia e analisa a sua influencia.

    O y’ representa o peso volúmico do solo abaixo da fundação, que como sabes, varia com o nível freático. A informação (d/B) representa a relação que existe entre a largura da fundação com a profundidade que pode atingir o “circulo” de rotura idealizado por Terzaghi. Meti (d/B) só para relembrar que poderá ser necessário realizar uma interpolação de valores do peso volúmico quando o nível freático está abaixo do nível da base fundação e intercepta a linha de rotura.

    Abraço

Comentar

* Obrigatório