Deteção de Defeitos em Estruturas de Engenharia Civil Através de Visão Artificial

27 Maio, 2015.

Deteção de Defeitos em Estruturas de Engenharia Civil Através de Visão Artificial

Um sistema desenvolvido por investigadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) utiliza tecnologias de visão computacional para a deteção de defeitos em elementos estruturais. O sistema recorre a uma técnica, conhecida como “Vibrometria Visual”, que permite a determinação do comportamento e propriedades físicas dos materiais através da análise da sua vibração em vídeo de alta definição e muito elevada cadência.

Esta técnica não destrutiva de ensaio e análise passa por sujeitar a estrutura em estudo, a um estímulo sonoro e analisar a forma como se comporta. Através dos métodos de visão artificial, desenvolvidos pelos engenheiros do MIT, é possível inferir as propriedades do material, estimando, com alguma precisão, grandezas como o peso ou a rigidez.

O sistema faz uso de conceitos fundamentais da mecânica das vibrações e de técnicas de visão computacional para detetar e realçar pequenos deslocamentos, impercetíveis a olho nu, dos elementos estruturais.
Os modos de vibração do elemento são identificados automaticamente através da informação recolhida em vídeo e usados para extrapolar as suas propriedades físicas. Para isso são utilizados algoritmos de inteligência artificial que permitem encontrar correlações entre os padrões de vibração e as características físicas dos elementos.
As condições de patologia em elementos estruturais são identificadas quando surgem diferenças acentuadas em relação aos padrões típicos de vibração.

A técnica foi testada com sucesso, nos Laboratórios de Engenharia Civil do MIT, em elementos metálicos, de madeira, fibra de vidro e até em tecidos, como se pode ver no vídeo seguinte.

Fonte: MIT | Imagens: via MIT (adaptada); Jeffers/Free Republic (ilustrativa)




Outros artigos interessantes:




Comentar

* Obrigatório