EUA Utilizam Energia dos Escoamentos em Tubagens de Redes de Abastecimento de Água Para Gerar Eletricidade

23 Fevereiro, 2015.

EUA Utilizam Energia dos Escoamentos em Tubagens de Redes de Abastecimento de Água Para Gerar Eletricidade

Portland foi, recentemente, a primeira cidade do mundo a adotar, de forma alargada, uma promissora tecnologia que permite gerar eletricidade aproveitando a energia dos escoamentos em tubagens de redes de distribuição de água. O sistema desenvolvido pela Lucid Energy, uma empresa norte-americana que fabrica equipamentos para o setor das energias renováveis, é capaz de produzir eletricidade de forma limpa, fiável e sustentável.

A tecnologia modular, batizada de LucidPipe, faz uso de secções de tubagens dotadas de turbinas de eixo vertical localizadas no seu interior, ligadas a geradores acoplados ao extradorso. Estas secções são integradas, idealmente, em ramais gravíticos de diâmetro igual ou superior a 60 cm, de redes de abastecimento de água ou de transporte de efluentes líquidos.

Ao contrário de outros sistemas de aproveitamento de energias renováveis, a tecnologia que está a ser utilizada em Portland permite uma geração constante de eletricidade, uma vez que é aplicada num ambiente relativamente controlado, não dependendo da aleatoriedade das condições climáticas, incluindo a intensidade do vento ou da luz solar.

O equipamento tem também a vantagem de ser de fácil instalação e integração em novos projetos ou infraestruturas existentes e, em oposição a outras tecnologias de hidroeletricidade, não ter quaisquer impactos ambientais.

Além disso e de acordo com a Lucid Energy, pode ser utilizado numa gama alargada de condições, volumes e velocidades de escoamento.
A quantidade de eletricidade gerada depende, naturalmente, daquelas condições. Por exemplo, numa tubagem com 150 cm, com uma velocidade de escoamento de 2 m/s e 276 kPa (aprox. 40 psi) de excesso de pressão, uma única unidade LucidPipe é capaz de produzir 100kW de energia e dissipar 35 kPa (aprox. 5 psi) de pressão do sistema. A utilização de múltiplas unidades LucidPipe no mesmo trecho de tubagem tem, potencialmente, a capacidade de gerar vários milhares de megawatt hora de eletricidade limpa.

O projeto que está a ser desenvolvido em Portland, cuja execução arrancou no início de 2015, deverá permitir a produção de mais de dois milhões de dólares de eletricidade durante as próximas duas décadas.

Fonte e Imagens (adaptadas): Lucid Energy




Outros artigos interessantes:




1 Comentário a EUA Utilizam Energia dos Escoamentos em Tubagens de Redes de Abastecimento de Água Para Gerar Eletricidade

  1. Escavação de Valas com Segurança em Seminário da Ordem dos Engenheiros | EngenhariaCivil.com

    […] meios de prevenção e boas práticas de execução de redes de infraestruturas, tais como condutas de água e de gás, cabos de eletricidade e de […]

Comentar

* Obrigatório