Britânicos vão utilizar sensores sem fios para tornar as interseções ferroviárias mais seguras

14 Setembro, 2016.

Britânicos vão utilizar sensores sem fios para tornar as interseções ferroviárias mais seguras

Investigadores do Instituto de Pesquisa Ferroviária (IRR) da Universidade de Huddersfield, no Reino Unido, estão a estudar a possibilidade de utilização de micro sensores com tecnologia de comunicação sem fios para a monitorização de interseções de vias ferroviárias com rodoviárias.

Estas redes de sensores, alimentadas exclusivamente através da energia recolhida da vibração dos carris, têm potencial para incrementar significativamente a eficiência e segurança das interseções.

O estudo, que é financiado pelo Departamento de Transportes (DfT), fará a análise técnica e económica da implementação desta tecnologia sustentável que dispensa alimentação elétrica da rede pública e permite o controlo mais eficiente do fecho e abertura dos portões em atravessamentos ferroviários automatizados.

De acordo com o IRR, no Reino Unido existem 6599 interseções automáticas, pelo que o uso desta rede global de sensores teria um impacto muito significativo tanto no que diz respeito aos gastos energéticos como à redução dos acidentes.

Uma vez que não é necessária a utilização de qualquer tipo de condutas ou cablagem, a instalação do equipamento de sensorização é bastante simples e rápida, pelo que as perturbações no normal funcionamento, decorrentes da adoção da tecnologia, são praticamente inexistentes.

Também os custos de instalação seriam reduzidos, passando-se das 500 mil libras que o equipamento tradicional de deteção custa, para um valor inferior a 20 mil libras, que possui uma maior durabilidade e oferece maior fiabilidade, devido principalmente ao seu funcionamento redundante em rede. Se um dos sensores falhar, os restantes assumem as suas funções sem nunca ser necessária a interrupção do serviço.

Além da deteção do movimento das composições ferroviárias, o conjunto de sensores permite a medição da amplitude das vibrações do carris, pelo podem ser igualmente utilizados para a monitorização do seu estado de conservação.

Fonte: IRR/UH | Imagem (adaptada): Bill Smith via IRR/UH; EngenhariaCivil.com




Outros artigos interessantes:

Projeto do Novo Estádio do A.C. Milan
Sistema Inteligente de Controlo de Fluxos de Tráfego Poderá Acabar com Engarrafamentos Rodoviários
Estudo do MIT Visa Otimizar Sistemas de Semaforização Urbana
As 15 redes de metro mais complexas do mundo
Estudo da Universidade de Delaware visa reduzir volume de tráfego de dados em sistemas inteligentes ...
Modelo microclimático urbano permitirá minimizar o efeito da ilha de calor em Abu Dhabi

         
         


Tópicos Relacionados

         -  Acústica em avenidas movimentadas dentro da cidade
         -  116 mil milhões para urbanização do distrito de Palma em ...
         -  Soluções de transportes na área metropolitana de Maputo
         -  Debate sobre Transportes e Mobilidade em Maputo
         -  1º Encontro de Urbanismo - Regenerar, Regenerar e Requalificar
         -  Cursos SIG
         -  Património Moderno e Regeneração Urbana com Professora Ana Tostõ...
         -  Linhas Aéreas de Moçambique com volume de negócios ...
         -  FIG - Young Surveyors Network
         -  Curso sobre MÉTODOS DE AQUISIÇÃO DE DADOS ESPACIAIS
          

Artigos Relacionados

         -  Escola de Engenharia do MIT desenvolve protótipo funcional de veí...
         -  MIT desenvolve sistema avançado de otimização de parqueamento
         -  Projeto de construção do Sistema Hyperloop que ligará o Dubai ...
         -  Singapura está a desenvolver primeiro sistema de gestão de trá...
         -  Inovador software de planeamento é capaz de prever riscos estruturais em zonas ...
         -  Otimização da reabilitação de infraestruturas civis após desastres ...
         -  Alemanha utiliza redes de telemóveis para estudar o tráfego ...
         -  Modelos urbanos avançados de mobilidade permitem acompanhar o movimento em ...
         -  Inteligência artificial vai controlar tráfego aeroportuário no Reino ...

Vídeos Relacionados

         -  Projeto urbano da zona comercial central da cidade de Praga
         -  MIT cria interseções rodoviárias automatizadas
         -  Urban Network Analysis 2015 do City Form Lab
         -  Autodesk Urban Canvas 2015
         -  Land Airbus – As Passagens Superiores Móveis
         -  Fastned – Carregamento Rápido de Carros Elétricos
         -  Gyken Desenvolve Estacionamento Robotizado de Bicicletas
         -  Modelos Digitais 3D com o LiDAR Viewer
         -  Tráfego Viário da Cidade de Los Angeles
         -  O Projeto NOMA na Cidade de Manchester

Comentar

* Obrigatório