Broad Constrói Secção Experimental do Edifício Mais Alto do Mundo

1 Outubro, 2013.

Broad Constrói Secção Experimental do Mais Alto Edifício do Mundo

Depois do desaire que foi o cancelamento da construção do mega-arranha-céus Sky City, apenas 10 dias após o início das obras, a empresa chinesa de engenharia Broad Group avançou com a execução de uma secção experimental daquele que poderá vir a ser o edifício mais alto do mundo, com 838 m de altura. O objetivo do edifício experimental é o refinamento do projeto estrutural e o ensaio dos métodos construtivos, depois da avalanche de críticas da comunidade de Engenharia Civil chinesa sobre a segurança e viabilidade do edifício.

A estrutura construída tem nove pisos e é uma réplica exata de uma secção do Sky City desde o 165º até ao 173º andares. A construção definitiva do edifício implicará a execução de um número de pisos cerca de 24 vezes superior (cerca de 220 pisos de acordo com a última versão do projeto).

O Broad Group deu já a conhecer algumas alterações ao projeto do Sky City, nomeadamente a introdução de um novo sistema estrutural para os pisos que, apesar de utilizar uma maior quantidade de aço (120 kg/m2 em vez dos originais 80 kg/m2), permite aumentar a homogeneidade vertical da estrutura e eliminar as barras de contraventamento diagonal que tinham como objetivo conferir maior rigidez à estrutura o que, possibilita também o aumento da dimensão das janelas e influxo de luz natural.

O novo arranque da construção do edifício definitivo está marcado para Julho de 2014 e o Broad Group mostra-se otimista no cumprimento desta data, apesar dos sucessivos adiamentos do projeto, cujo início da execução esteve originalmente previsto para 2012.

Fonte: Broad Group
Imagens: Broad Group; Lloyd Alter




Outros artigos interessantes:




Comentar

* Obrigatório