Uma casa desdobrável que se auto-assembla em apenas 5 minutos

11 Maio, 2018.

Uma casa desdobrável que se auto-assembla em apenas 5 minutos

A Ten Fold Engineering apresentou a primeira unidade de produção do seu edifício auto desdobrável e transportável, cujo protótipo se tornou conhecido mundialmente no ano passado. Em vez dos 10 minutos prometidos inicialmente, o sistema foi melhorado, sendo agora capaz de se auto-assemblar em apenas 5 minutos.

De acordo com a companhia britânica, sediada Abingdon, Oxfordshire, o sistema foi desenvolvido com base no conceito de edifícios ágeis, que se podem transportar, carregar e descarregar facilmente e que são capazes de se auto-assemblar de forma rápida e simples.

O primeiro modelo da Ten Fold Engineering chama-se TF-64 e tem aproximadamente as dimensões de um contentor marítimo de 9 metros, quando a sua estrutura se encontra recolhida. Depois de totalmente expandido, o edifício disponibiliza uma área quadrangular de 8 por 8 metros, possuindo 2,98 metros de altura.
Enquanto recolhido, o sistema possui uma área de armazenamento interior que pode ser utilizada para o transporte de mobiliário, paredes divisórias e eletrodomésticos.

O processo de auto-montagem é verdadeiramente inovador, não necessitando de qualquer motor. Em vez disso, os diferentes componentes da estrutura deslocam-se por efeito da gravidade, utilizando um complexo, mas eficiente conjunto de alavancas e contrapesos.

O edifício TF-64 integra todos os elementos construtivos de um edifício corrente, incluindo isolamento térmico e acústico, no entanto, apesar de necessitar de uma superfície estável para a sua montagem, não requere a execução de fundações.

O TF-64 inclui também sistema elétrico, de águas, de aquecimento, ventilação e aspiração central. A alimentação energética pode ser feita com ligação à rede pública ou através de equipamento fotovoltaico opcional.

Fonte: EngenhariaCivil.com; Ten Fold Engineering | Imagens (adaptadas): EngenhariaCivil.com; via Ten Fold Engineering




Outros artigos interessantes:




Comentar

* Obrigatório