Investigadores Alemães Desenvolvem Sistema Inteligente de Proteção de Fachadas Envidraçadas

22 Abril, 2015.

Investigadores Alemães Desenvolvem Sistema Inteligente de Proteção de Fachadas Envidraçadas

Uma equipa conjunta do Instituto Fraunhofer de Maquinação e Tecnologias Metalúrgicas (IWU), sediada em Dresden e do Departamento de Design de Têxteis e Superfícies da Escola de Arte Weissensee, em Berlim, está a desenvolver componentes de fachada inteligentes com a capacidade de se adaptarem, de forma autónoma, à intensidade dos raios de sol. A tecnologia faz uso de elementos com memória de forma, que requerem apenas a energia térmica do sol para funcionarem.

O sistema, criado através do trabalho conjunto de engenheiros e designers pretende reduzir os enormes consumos energéticos decorrentes do funcionamento dos ares-condicionados para o controlo da temperatura, em edifícios com fachadas envidraçadas.

O protótipo desenvolvido pelos investigadores é constituído por uma matriz de 72 elementos de tecido em forma de flor. Cada um destes elementos possui no seu interior um conjunto de atuadores fabricados com uma liga metálica de níquel-titânio com memória de forma. Estes materiais têm a capacidade de voltar à sua forma original quando expostos a uma fonte de calor.

Os elementos de tecido podem ser colocados no extradorso dos painéis envidraçados ou protegidos entre camadas de vidro.
Quando a fachada aumenta de temperatura por ação do sol, os atuadores são ativados e assumem a sua posição original, fazendo com que os elementos de tecido se abram e impeçam que os raios solares penetrem no interior dos compartimentos.
Assim que os raios solares deixam de incidir na fachada e a temperatura desta desce, os atuadores fazem com que as “flores” de tecido voltem a fechar.

A tecnologia, que foi dimensionada para poder ser utilizada nas grandes superfícies envidraçadas, planas ou curvas, dos modernos arranha-céus, pode ser facilmente aplicada a edifícios existentes, uma vez que não exige que os painéis envidraçados sejam retirados ou substituídos.
Além disso, os elementos podem ter diferentes geometrias além da forma em flor, como em favo de mel ou em triângulo, o que possibilita uma mais fácil integração estética no edifício.

Fonte: Fraunhofer IWU | Imagem (adaptada): Bára Finnsdóttir – Weißensee School of Art Berlin via Fraunhofer IWU




Outros artigos interessantes:

Edifícios Gémeos no Médio Oriente vão ter Fachadas Protegidas por Guarda-Sóis
Ranking dos 10 Edifícios Mais Altos do Mundo em 2014
Uso de drones na inspeção de torres eólicas e infraestruturas elétricas
Fabrico de betão celular autoclavado com integração de resíduos municipais
Engenheiros Civis Holandeses estão a desenvolver um cimento mais eficiente e ambiental
Testando os efeitos nefastos do impacto da água em materiais de Engenharia Civil

         
         


Tópicos Relacionados

         -  Ajuda!.. Procuro Barra Maciça de Aluminio
         -  Como fazer a correta ligação entre elementos (executados com os ...
         -  Alteração de pdm
         -  Detetor térmico
         -  Hidrantes exteriores
         -  Madeira
         -  En 12845
         -  Sistema de redes húmidas/redes secas
         -  Um método construtivo brasileiro que me incomoda muito!
         -  Mucheta pedrial - shaft modular
          

Artigos Relacionados

         -  Uma casa construída em 24 horas inteiramente com materiais reutilizáveis, ...
         -  Investigadores norte-americanos desenvolvem plataforma avançada de avaliação de risco ...
         -  Como construir uma central de dessalinização para 600 mil habitantes
         -  Britânica desenvolve modelo matemático que poderá revolucionar a organizaçã...
         -  Montagem da cobertura do novo estádio do Atlético de ...
         -  Engenheiros Civis britânicos criam blocos de alvenaria capazes de gerar ...
         -  Batalha épica entre bulldozer russo e bulldozer norte-americano
         -  Influência na saúde humana da oscilação de edifí...
         -  Testando os efeitos nefastos do impacto da água em materiais de ...
         -  Departamento de Engenharia Civil do MIT desenvolve sensores de baixo custo ...

Vídeos Relacionados

         -  Robot construtor de casas desenvolvido na Austrália
         -  Edifício dinâmico do Centro de Convenções SwissTech
         -  Um robot para obras de construção – Parte 2
         -  Um robot para obras de construção – Parte 1
         -  A execução da ilha-porto de Abu Dhabi
         -  Edifício solar capaz de intercâmbio de energia com veí...
         -  Construção de ponte com drones na Suíça
         -  Impressora 3D para construção com 12 metros de altura
         -  Vídeo do progresso da construção da nova sede da ...
         -  Engenheiros Australianos Criam Robot que Assenta Tijolos

1 Comentário a Investigadores Alemães Desenvolvem Sistema Inteligente de Proteção de Fachadas Envidraçadas

  1. Investigadores alemães fabricam vidro electrocrómico para construção com propriedades surpreendentes | EngenhariaCivil.com

    […] desenvolveram um novo processo de fabrico de painéis de vidro electrocrómico, que permite obter elementos envidraçados capazes de mudanças de fase […]

Comentar

* Obrigatório