Wieliczka – Um Colosso Estrutural Subterrâneo Construído com Sal Gema

11 Julho, 2013.

Colosso Estrutural Subterrâneo

A estrutura subterrânea de Wieliczka, na Polónia, começou a ser construída no século treze, em resultado dos trabalhos de mineração de sal gema. Trata-se de um conjunto de galerias que se estendem ao longo de 287 quilómetros e albergam gigantescas câmaras a profundidades que chegam aos 300 metros, suportadas por maciças estruturas porticadas e treliçadas de madeira.

O complexo subterrâneo, também conhecido como Catedral Subterrânea de Sal da Polónia, é constituído por inúmeras igrejas subterrâneas cuja arte sacra foi esculpida diretamente nas paredes de sal gema, salas de espetáculo, um spa com lago subterrâneo, um centro de reabilitação entre outros.
Na segunda guerra mundial foi utilizado pelas forças militares alemãs como centro de produção industrial de armas. Algumas das maiores câmaras subterrâneas chegaram até a funcionar como campos de concentração.

A produção comercial de sal manteve-se durante mais de 500 anos e só cessou em 1996, devido à queda dos preços daquele bem.

A estrutura subterrânea de Wieliczka foi classificada como Património Mundial da Humanidade pela UNESCO em 1978, recebendo frequentemente eventos culturais e oficiais, bem como 1,2 milhões de visitantes anualmente .

Colosso Estrutural Subterrâneo

Colosso Estrutural Subterrâneo

Colosso Estrutural Subterrâneo

Colosso Estrutural Subterrâneo

Colosso Estrutural Subterrâneo

Colosso Estrutural Subterrâneo

Colosso Estrutural Subterrâneo

Imagens: Kopalnia Soli Wieliczka
Fonte: Kopalnia Soli Wieliczka




Outros artigos interessantes:




1 Comentário a Wieliczka – Um Colosso Estrutural Subterrâneo Construído com Sal Gema

  1. Kuzbas - O Dia-a-dia de Uma das Maiores Minas a Céu Aberto do Mundo | EngenhariaCivil.com

    […] no Sul da Sibéria, a zona de mineração a céu aberto da bacia de Kuznetsk, mais conhecida como Kuzbas, é a maior da Rússia e uma das […]

Comentar

* Obrigatório