Inspeção de infraestrutura civil utilizando equipas colaborativas de aeronaves não tripuladas

6 Julho, 2018.

Inspeção de infraestrutura civil utilizando equipas colaborativas de aeronaves não tripuladas

O projeto Aeroworks visa a utilização de enxames de drones para a inspeção colaborativa de infraestrutura civil, incluindo pontes, barragens, edifícios e turbinas eólicas, no âmbito de sistemas de monitorização de saúde estrutural.

Financiado pela União Europeia, o projeto pretende responder ao envelhecimento progressivo da infraestrutura civil, tanto em países desenvolvidos como em países em desenvolvimento, permitindo a diminuição do tempo necessário para a realização de campanhas de inspeção. Visa igualmente a redução dos custos e riscos para os técnicos envolvidos nas tarefas de inspeção.

Para tal, os engenheiros do projeto Aeroworks estão a desenvolver uma nova classe veículos aéreos não tripulados, capazes de operação autónoma e colaborativa em tarefas de inspeção e manutenção de infraestruturas. Estes veículos são dotados de equipamento de manipulação avançado, que permita a manutenção eficiente das estruturas e também de sistemas de sensorização de última geração.

A operação dos drones é feita de forma descentralizada, o que significa que não existe um ponto central de controlo. Em vez disso, cada unidade é capaz de operar de forma autónoma, estabelecendo comunicação com os restantes veículos e reconfigurando os trajetos e tarefas de acordo com o objetivo final, numa perspetiva de trabalho em equipa.

O voo autónomo das aeronaves é possível graças a sistemas de prevenção de colisão, perceção do ambiente circundante e de planeamento inteligente de trajetórias.

A aplicabilidade do sistema à inspeção de infraestrutura civil foi recentemente demonstrada com a sua utilização integrada no sistema de monitorização da saúde estrutural de um parque de turbinas eólicas.

Fonte: EngenhariaCivil.com; Aeroworks/Cordis | Imagens (adaptadas): EngenhariaCivil.com; via Aeroworks/Cordis




Outros artigos interessantes:




Comentar

* Obrigatório